Um espaço aberto à opinião desde que respeite a opinião dos outros.

09
Out 07

RESULTADOS E MANDATOS - AUTARQUICAS 2005 - ESTREMOZ

Faz 2 anos, que por esta hora, estavam apurados os seguintes resultados nas urnas :





Hoje, passados dois anos, podemos fazer um balanço se assim o entender-mos.
Ficam aqui, algumas das promessas do actual executivo no seu programa de candidatura, diga de sua justiça.
  • Criaremos condições para a instalação de empresas nas Zonas Industriais de Arcos e Estremoz.
  • Rentabilizaremos o potencial turístico, valorizando e promovendo o concelho de Estremoz como destino turístico primordial.
  • O ordenamento territorial é uma prioridade dos municípios do novo milénio. Neste âmbito a revisão participada do Plano Director Municipal (PDM) é um compromisso inequívoco que assumimos.
  • Interviremos em conjunto com o Governo de Portugal na reabilitação e qualificação dos centros urbanos em especial no Bairro de Santiago – Estremoz (Rede de águas e esgotos, arruamentos, iluminação, espaços verdes, ordenamento de trânsito).
  • Apostamos em novas políticas de habitação. Financiaremos a recuperação das áreas urbanas degradadas e a construção nos aglomerados urbanos (cidade e freguesias).
  • Realizaremos intervenções nos pavimentos dos bairros, nos aglomerados populacionais e nos caminhos rurais.
  • Criaremos condições para a construção de parques de estacionamento nas zonas históricas.
  • Asseguramos a construção da variante a Estremoz do IP2, cuja construção reivindicámos de imediato junto do Governo.
  • Dignidade, conforto e segurança são as razões que nos levam a assumir o compromisso de construir o Terminal Rodoviário.

Estremoz – Cidade Bonita

  • Tornaremos os Centros Urbanos agradáveis e com qualidade de vida, não só para os habitantes, mas também para aqueles que nos visitam.

Estremoz Concelho Verde – Água, Saneamento e Educação Ambiental

  • Reivindicaremos junto do Governo de Portugal o cumprimento de um compromisso de sempre: a construção da Barragem de Veiros.
  • Ampliaremos as redes de distribuição de água e de saneamento básico a toda a população das freguesias rurais.Tornaremos “Estremoz, Concelho Verde”.
  • Desenvolveremos acções de Educação Ambiental com parcerias locais, regionais e nacionais, orientadas para as crianças e jovens, as empresas e as pessoas em geral.
  • Participaremos em conjunto com os outros municípios, o Governo e empresários na resolução de problemas ambientais e na reutilização de lixos e desperdícios.

Estremoz e as Energias Alternativas

  • Apostaremos no projectos de aproveitamento de energias alternativas destinados aos equipamentos e viaturas municipais e no incentivo às iniciativas empresariais tendentes ao aproveitamento de energias alternativas (eólica, etc.).

 

 

8 Comentáros  no Blogspot

Anónimo disse...

São realmente bonitas promessas. Passados dois anos o meu sonho e pelo menos o sonho de 2870 estremocenses não se tornou realidade. Antes pelo contrário vamos estando cada vez piores e só vimos o desenvolvimento passar-nos ao lado.

Anónimo disse...

Só promessas, que eu saiba nada fizeram para desenvolver a cidade.
O projecto do Rossio ao que li foi para o lixo.
A zona industrial de Arcos levou o mesmo caminho.
Não se onsegue andar em Santiago com as obras.
Nem financiam obras nem recuperam o património que têm a cair.
Os caminhos rurais é uma anedota cada vez mais esburacados.
Os parques de estacionamento na zona histórica histórica são uma maravilha até se for preciso são a solução para o novo aeroporto de Lisboa.
A variante do IP2 é outra anedota para juntar ao terminal Rodoviário.
Qualidade de vida é cada vez mais coabitante com o lixo.
depois a anedota seguinte é a barragem em Veiros, o concelho ser verde e ter energias alternativas ainda estou para saber onde colocam os aerogeradores.
Promessas só promessas estão com metade do mandato e nada fizeram a não ser parar os projectos existentes.
Os habitantes de Estremoz, começam a ficar fartos destas politicas de entrave, em que se começa a gastar o nosso dinheiro e depois, muda a cor da camara e pára a obra. Estamos fartos, acabem o rossio, que foi a nossa vontade, para isso, eu e muitos Estremocenses, preenchemos um inquérito, o projecto era viável ou serão os gajos da parque expo, que decidem o que os nossos residentes querem?
Estremoz está a ter uma marca, a do subdesenvolvimento.
Mal empregado voto que vos dei neste dia.

Ana S, disse...

Estremoz melhorou bastante nestes últimos dois anos, basta para isso dizer que foi RECOLOCADA no mapa de eventos do Alentejo e porque não, do País. Há coisas a fazer mas a seu tempo tenho a certeza que serão concertizadas. Não se pode fazer em dois anos aquilo que a gestão danosa da CDU não fez em 12 anos. Esta é a verdade.

Luiz do Castelo disse...

"Palavras" que o vento leva para onde...não há eira nem beira... como dizia a minha avó que não sabia ler nem escrever,nem sequer imaginava que havia democracia.
Os actuais politicos, -todos?- estão mais interessados em degladiarem-se entre si do que resolverem problemas da sociedade.E esta, que não é composta sòmente pelas elites politicas e partidárias, ou outras,instaladas no leito e nas margens dos poderes instalados que começam no governo central vão desaguar nas autarquias,esquecem-se de Portugal e do seu povo,nós os portugueses anónimos.
Estamos num novo tipo de "ditaduras" que grande parte da comunicação social difunde e defende.Há de facto liberdade mas a verdade é que a manipulação da opinião pública com factos e problemas de outras latitudes -Birmânia,Iraque,noticias cor de rosa,futebol,etc,etc...condicionam e limitam a democracia e o desenvolvimento do nosso país.
....
Vejam o que se passa com a RTP/Rodrigues dos Santos - "futuro mártir" e candidato ao desemprego e ao subsídio...mais um desempregado!!!
Vejam e consultem o Brados do Alentejo e o que o Bruno escreveu,antes deste novo facto,sobre a actuação de Rodrigues dos Santos em 2004.
...
Estremoz tem potencialidades e o seu destino e futuro não vai ser obra de alguns iluminados.Ou será que ainda não nos libertámos dos homens/mulheres providenciais?

Anónimo disse...

Palavras para quê?

Anónimo disse...

Eu gostava de saber, o que os comunistas fizeram pela cidade, deixaram a camara no chão e sem obras visiveis.

estremocense disse...

Olha para este, agora vir para aqui a dizer coisas, diz lá o meu rosinha, o que é que têm feito em Estremoz, nada, só destruir.
Vejam as obras que fizeram, nenhumas, vocês são como o governo, prometem mas não cumprem.
Mas o povo nas urnas daqui a dois anos vos diz como é que elas vos mordem.

INE disse...

Estamos a meio do mandato e as intenções de voto no PS cresceram de forma extraordinária. O estudo ainda não divulgado mas que já está nas mãos da CDU diz o seguinte:
PS 42%; CDU 31%; PSD 24%; CDS 2%; Outros 1%.


02
Out 07

 

Exma. Sra.
Presidente da Assembleia Municipal
Srs. Deputados Municipais
Minhas Senhoras e Meus Senhores
Face à Declaração de Impacte Ambiental desfavorável, para a
construção do traçado da Variante a Estremoz do IP2 e
considerando a necessidade da sua construção urgente, solicito a V.
Exa., Sra. Presidente, que coloque à votação, a seguinte:
MOÇÃO
A Assembleia Municipal de Estremoz reunida na sua sessão
ordinária de 21 de Setembro de 2007, vem reiterar junto dos
órgãos competentes, a necessidade da construção urgente, da
Variante a Estremoz ao IP2 e:
1.Estranhar que, em 14 anos, não tenham sido estudados e
apresentados traçados alternativos pela promotora da obra.
2.Lamentar que o tráfego da Estrada Nacional18, continue a
passar pelo centro da cidade, junto a várias Escolas, Pavilhão e
Piscinas Municipais, Lar para Idosos, Centro de Saúde,
Urgências e Centro de Emprego, locais onde se deslocam,
diariamente, centenas, senão milhares de cidadãos.
3.Que nos traçados alternativos a apresentar, sejam reduzidos
os Impactes Negativos ao mínimo possível.
4.Reafirmar que:
a) A construção da Variante é de importância crucial,
para a Cidade, a Região e o País.
b) Os poderes públicos locais, regionais e nacionais,
têm mostrado vontade política para que a Variante
seja construída.
c) Se compreendem e aceitam as razões apresentadas
para que a decisão, do Ministério do Ambiente,
tenha sido negativa.
d) Aqueles que nos elegeram anseiam pela construção
urgente da Variante, que os estudos para a sua
construção e a sua concretização tenham carácter
prioritário.
5. Dar conhecimento do teor desta moção a: todos os
munícipes, à comunicação social local, regional e
nacional, ao Governo Civil, aos Ministérios das Obras
Públicas e do Ambiente e às Estradas de Portugal SA.
Estremoz, 21 de Setembro de 2007
O Grupo Municipal do Partido Socialista


 


Para aceder à página das devoluções da EDP, clique no ícone da EDP, mais uma maneira, de colaborarmos com os nossos visitantes.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

correio para mim, é aqui ADVALOREM ALENTEJANICES ALENTEJO SAPIENTIA ALTO DA PRAÇA ANABELA SARAMAGO TEMPLO DO GIRALDO ARTESANATO MEU BLOG DE NOTAS JORNAL BRADOS DO ALENTEJO CANO ON LINE CARREIRAS ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA CIDADELA DE ESTREMOZ STAL ESTREMOZ SINTAP CLUBE DE FUTEBOL DE ESTREMOZ CLUBE DE FUTEBOL DE ESTREMOZ JORNAL ECOS ESTOU NA SESTA ESTREMOZ CULTURA ESTREMOZ EM DEBATE no Blogspot ESTREMOZ O FUTURO É HOJE ESTREMOZNET ESTREMOZ SOEIRO ETZ EVENTOS EU TU E O GADANHA GAMBUTAS TEAM GERAÇÃO XXI HOJE APITO EU HOQUEI JUNTA DE FREGUESIA DE SANTA MARIA - ESTREMOZ JOSÉ GONÇALEZ JOSÉ GONÇALEZ JOSÉ GONÇALEZ JOSÉ GONÇALEZ KONTRA FACTOS E KONTRA FEITOS KRUZES KANHOTO 1 KRUZES KANHOTO 2 LOMOCLUBE DE ESTREMOZ MÃO NEGRA DE ESTREMOZ MÃO NEGRA DE ESTREMOZ O CASTELO NÃO FOGE PICALIMA PLANICÍE DOURADA REVISITAR A EDUCAÇÃO RADIOMODELISMO ESTREMOZ TORRE ESTREMOZ VEÍCULOS CLÁSSICOS ESTREMOZ ZÉ DE MELLO CARTÃO EUROPEU DE SEGURO DE DOENÇA DECLARAÇÕES ELECTRÓNICAS DIÁRIO DA REPUBLICA ELECTRÓNICO GOVERNO PORTUGUÊS