Um espaço aberto à opinião desde que respeite a opinião dos outros.

02
Out 06

Tenho acompanhado desde o primeiro número do ecos "O meu Bloco de Notas" de José Domingos Ramalho.

Confesso que este dirigente do PS local, leva-me com as suas crónicas, a momentos de riso e algumas vezes preocupação, é que muitas das vezes parece não dizer o que sabe, ou diz o que não sabe, no entanto segue na linha denegrir a imagem dos trabalhadores do município,  dizendo que os mesmos efectuam  "boicotes" nos serviços, que têm "falta de cidadania", e não se percebendo o contexto seguinte: "redução  das horas extraordinárias e outras coisas " ficámos aqui pelas meias palavras, as outras coisas, é de quem não sabe o que há-de acrescentar e então, utiliza o plural, para parecer  que há muito para dizer.

Se, se fazem horas extraordinárias no município, há sempre uma ordem para tal e emanada normalmente da gestão do município, que através de uma ordem de serviço interna identifica o tipo de actividade a efectuar e os serviços, por norma escalam alguém para os executar e que poderão ser vários trabalhadores de acordo com o tipo de serviço, não sendo os trabalhadores, que impõem ao municipio, que esse serviço tem de ser feito em horas extraordinárias, no entanto essas horas podem ser reduzidas em muitos sectores, basta que se termine com determinado tipo de actividades, que são feitas para o lazer de uns e para o trabalho de outros.

Há funcionários, que chegam a não ter um fim de semana livre nos meses de verão, ficando as famílias privadas da sua companhia, para que municipes possam ter as suas actividades lúdicas.

Portanto, horas extraordinárias no Município de Estremoz, sempre se fizeram e continuam a fazer, enquanto houver este tipo de actividades. Sempre se fizeram como agora, com um documento dos assinado por um dos autarcas eleitos e como tal legitimo, continuando no problema das horas, muitas terão de ser efectuadas sem programação, pois uma rotura de agua não é previsível, será que sabe, quantos são os meios necessários para resolver uma avaria dessas, para poder opinar sobre o assunto.

Há no entanto outras avarias que poderão ser resolvidas com programação, mas que serão sempre resolvidas ao domingo de manhã, para causar o mínimo incómodo aos munícipes ( tal como se faz no sector energético).

Quanto, ao seu comentário aos lixos dá para perceber, poderemos antever o que irá acontecer nesta matéria, quem assista às Assembleias Municipais e leia as actas ou assista ás reuniões de câmara, ou leia a entrevista do Sr Vereador Canhoto, no jornal Ecos nº 17, verá que a palavra VALNOR está presente em quase todas  e sempre, com mais qualidades que a GESAMB, até no preço que é mais barato, bem penso que todos sabem que a VALNOR, tem capitais das Aguas de Portugal, precisamente a detentora da maioria do capital das Aguas do Centro Alentejo, para onde o Município de Estremoz mudou a sua participação, saindo de uma outra associação que era a AMAMB.

publicado por . às 15:56

Anda muita gente incomodada por o novo executivo estar a mexer com muitos interesses instalados há décadas...
Interesses a 2 de Outubro de 2006 às 20:49

correio para mim, é aqui ADVALOREM ALENTEJANICES ALENTEJO SAPIENTIA ALTO DA PRAÇA ANABELA SARAMAGO TEMPLO DO GIRALDO ARTESANATO MEU BLOG DE NOTAS JORNAL BRADOS DO ALENTEJO CANO ON LINE CARREIRAS ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA CIDADELA DE ESTREMOZ STAL ESTREMOZ SINTAP CLUBE DE FUTEBOL DE ESTREMOZ CLUBE DE FUTEBOL DE ESTREMOZ JORNAL ECOS ESTOU NA SESTA ESTREMOZ CULTURA ESTREMOZ EM DEBATE no Blogspot ESTREMOZ O FUTURO É HOJE ESTREMOZNET ESTREMOZ SOEIRO ETZ EVENTOS EU TU E O GADANHA GAMBUTAS TEAM GERAÇÃO XXI HOJE APITO EU HOQUEI JUNTA DE FREGUESIA DE SANTA MARIA - ESTREMOZ JOSÉ GONÇALEZ JOSÉ GONÇALEZ JOSÉ GONÇALEZ JOSÉ GONÇALEZ KONTRA FACTOS E KONTRA FEITOS KRUZES KANHOTO 1 KRUZES KANHOTO 2 LOMOCLUBE DE ESTREMOZ MÃO NEGRA DE ESTREMOZ MÃO NEGRA DE ESTREMOZ O CASTELO NÃO FOGE PICALIMA PLANICÍE DOURADA REVISITAR A EDUCAÇÃO RADIOMODELISMO ESTREMOZ TORRE ESTREMOZ VEÍCULOS CLÁSSICOS ESTREMOZ ZÉ DE MELLO CARTÃO EUROPEU DE SEGURO DE DOENÇA DECLARAÇÕES ELECTRÓNICAS DIÁRIO DA REPUBLICA ELECTRÓNICO GOVERNO PORTUGUÊS
arquivos